28/03/2018

5 dicas para navegar de maneira segura na internet

Por Luhan Pietro Struecker

Navegar com segurança na internet exige muita atenção em cada espaço que você frequenta.

Resultado de imagem para atualizado

Para te ajudar a ficar protegido, criamos uma lista essencial com as dicas mais importantes para quem quer navegar usando e-mails, redes sociais, fazendo compras online ou usando o celular de forma segura. Confira!

1- Mantenha tudo atualizado em seu computador

Resultado de imagem para atualizado

Vamos começar pela importância de estar com seu sistema operacional atualizado. Sempre que há alguma falha de segurança, milhares de ameaças digitais surgem para explora-la. Sendo assim, estas atualizações constantes buscam corrigir o quanto antes estas falhas, evitando assim que os computadores que possuem este sistema fiquem desprotegidos quanto aquela determinada vulnerabilidade. Neste caso, o antivírus muitas vezes não poderá ajuda-lo, pois é como se a ameaça estivesse com as portas abertas para a invasão.

Também é importante manter atualizados os navegadores de internet, praticamente pelos mesmos motivos do sistema operacional. Um navegador desatualizado, não só pode deixar sua navegação lenta e problemática.

Por não acompanhar as novidades em relação aos novos padrões de desenvolvimento em relação a reprodução de vídeos, fotos músicas, etc.

Alguns navegadores da Web suportam suplementos ou plug-ins. Esses pequenos aplicativos podem ser instalados para adicionar mais recursos a um navegador. Dois suplementos que eu recomendo são aqueles que impedem o JavaScript de executar automaticamente em um domínio (NoScript para Firefox e NotScripts ou Chrome) e um bloqueador de anúncios (AntiSpam) que impede que os anúncios sejam exibidos automaticamente.

Muitos navegadores também impedem que o Flash seja carregado automaticamente até que você clique em um botão, o que é um ótimo recurso de segurança. Se o navegador não possuir esse recurso, pode haver um suplemento que ofereça suporte a esse recurso.

Igualmente importante é termos um antivírus ativo e devidamente atualizado, afinal a base de dados de vírus está também em constante atualização, com inúmeras novas ameaças diariamente surgindo.

 

2- Mantenha seu computador bem protegido.

Resultado de imagem para computador protegido

Imaginemos nosso computador como nossa casa: para nos mantermos protegidos perante a crescente violência do mundo moderno, primeiramente construímos muros, depois colocamos pregos nesses muros, colocamos um cachorro no quintal, cercas elétricas, alarmes, câmeras.

Apesar de imprescindível, o antivírus pode não ser o suficiente para te manter seguro. Nem todas as ameaças são vírus, podem não estar nem dentro do computador, como sites falsos, onde o antivírus não pode identificar o perigo ou mensagens de phising, e-mails falsos que parecem ter sido enviadas por organizações legitimas.

Nunca se deve executar mais de um programa antivírus ao mesmo tempo. Os dois programas podem atrasar o seu computador, tornando sua proteção antivírus menos eficaz. E eles podem até mesmo identificar uns aos outros como um vírus, o que poderia levar a conflitos.

Devemos pensar em outros meios de proteção, como:

Programas Anti-Malware ou anti spyware: Além de instalar um programa antivírus, você também deve olhar para a instalação de um aplicativo anti-malware. Diferente dos antivírus, geralmente podem detectar mais ameaças do que o aplicativo antivírus médio. Ao contrário dos aplicativos antivírus, é possível instalar vários aplicativos anti-malware em um único computador.

Firewall: Um firewall é um dispositivo de segurança de rede que concede ou rejeita o acesso à rede aos fluxos de tráfego entre uma zona não confiável (por exemplo, a Internet) e uma zona confiável (por exemplo, uma rede privada ou corporativa). O firewall atua como o ponto de demarcação ou “agente de trânsito” na rede, pois toda a comunicação deve fluir através dele e é onde o tráfego é concedido ou rejeitado.

AntiSpam: O AntiSpam refere-se a métodos que detectam mensagens de e-mail não solicitadas, maliciosas ou ilegais. Um filtro de spam é usado para detectar spam e desviá-lo para uma pasta de spam (caixa de correio não solicitado).

 

3- Cuidados com dados pessoais e senhas

Resultado de imagem para senhas

Dados pessoais como RG e CPF somente devem ser fornecidos a sites confiáveis e seguros ou reconhecidos. Senhas nunca devem ser fornecidas assim como recadastramentos ou cadastramentos não solicitados. Outro cuidado que devemos ter ao sair de nossos e-mails, facebook ou qualquer outro site que exige usuário/senha é utilizar os botões para “sair”, “logoff” ou “logout”. Se somente fecharmos a janela do navegador ou simplesmente acessarmos outro site pode ser arriscado! O site não recebeu a instrução de sair de seu cadastro, podendo ficar em aberto seu login na hora que outra pessoa for acessar o mesmo site.

HTTPS – confira se a página de cadastro/login possui a inscrição HTTPS (e não HTTP) na barra de endereço e uma inscrição de “Seguro”. Estes indicadores mostram que o site investiu em criptografia (SSL). É uma forma de evitar que seus dados pessoais e bancários sejam interceptados por um terceiro.

 

4- Compras online

Resultado de imagem para compras online

E-mails ou anúncios tentadores, com brindes, prêmios especiais ou descontos surreais normalmente escondem serias ameaças. Procure se certificar da procedência destes sites ou se restar duvidas, entre em contato com a empresa.

Reputação da Loja – analise a reputação da loja antes de comprar. Você pode conversar com conhecidos para saber de suas experiências, analisar resultados sobre a loja no Google, consultar redes sociais e o próprio site. Cheque apenas se os comentários são consistentes e vindos de perfis/pessoas reais e não “fakes”.

 

5- Bom senso no uso da internet

Resultado de imagem para Bom senso internet

Claro, a maior dica de segurança que posso dar é usar o bom senso. Independentemente de quanto segurança você realizar, não usar o bom senso pode fazer qualquer segurança inútil.

Certifique-se de saber o que você está abrindo tanto em um e-mail ou um site. Para os e-mails tenha cuidado com os anexos, e para sites, não baixe nada que você não solicitou.

Escolha senhas fortes em todos os cadastros que fizer como e-mails, sites de compras, estudo, trabalho, etc. Combine letras maiúsculas e minúsculas, números e caracteres especiais como #,&, ! e *. Isso aumenta muito o número de possibilidades de combinações, dificultando a construção dessa sequência de caracteres.

Certifique-se de que você toma o tempo suficiente para ler as telas da instalação para se certificar de que não está instalando nenhum outro aplicativo. Este é um problema comum que eu vemos em muitos computadores – abrindo um navegador e vendo cinco barras de ferramentas!

Outro cuidado importante é não abrir qualquer link fornecido pelo twitter ou facebook. Se a história é muito absurda, provavelmente não é verdadeira. Se a curiosidade for grande, busque no google e veja se existem links confiáveis a respeito do assunto.

Procure fornecer dados sensíveis exigidos em compras e cadastros (endereço, senhas, cartão de crédito) apenas em computadores e wifi pessoais. Alguém mal-intencionado pode interceptar dados de redes públicas (lan house, escolas, cafés, etc).

Downloads de aplicativos de compartilhamento dependem de uma atenção especial. Devemos ter o cuidado de examinar o arquivo baixado via antivírus e antispyware, verificar se o tamanho do arquivo é pequeno demais pelo que se propõe. Descrição suspeita ou possuir mais de uma extensão como, por exemplo, vingadores.mp3.avi.

Enquanto um programa antivírus é uma necessidade, muito mais é necessário para garantir a segurança do seu computador.

Se tiver alguma dúvida ou dica a respeito de outras formas de se proteger online, entre em contato conosco.

Talvez você também goste...